Cuidando de sua saúde

        saude

Qual a diferença entre asma, bronquite, sinusite e rinite?

A diferença é a região do corpo que cada um afeta.Tudo que termina com “ite” significa uma inflamação, e o resto do nome indica o local atingido. Todas essas doenças são causadas por um agente físico, poluição dos polén das flores. Quando o tal agente estranho entra em contato com alguma mucosa ( pele que reveste partes internas do corpo), o organismo aciona mecanismos de defesa que podem resultar em uma inflamação, e ai se configura a doença. A asma é um pouco diferente. O nome vem de asthma, palavra em grego que significa sufocação, e é uma predisposição do organismo de certas pessoas a reagir ao elemento irritante de uma forma bem mais grave.

Em 2009 as bombas de spray serão substituidas, elas que são as aliadas dos asmáticos, estão com os dias contados. Feitas de um spray que utiliza CFC ( o gás que destrói a camada de ozônio) , até o ano que vem terão que sair de circulação no Brasil.

· RINITE: Mucosas que revestem as cavidades do crânio. Inflamada, a mucosa incha, o nariz entope e produz a coriza. Uma boa assoada já expele o agente invasor. Se o problema persistir, pode ser necessário usar descongestionantes e antiinflamatórios. Os ácaros , parentes microscópicos das aranhas que vivem em locais quentes das casas, são vilões da rinite.

· SINUSITE: Seios faciais( buracos ao redor do nariz, maçãs do rosto e olhos). Inflamadas, essas cavidades acumulam secreções, entopem e dão dor de cabeça, febre e coriza expessa. Descongestionantese antiinflamatórios. Nos casos mais graves, antibióticos são necessários. O agente não sai com uma assoada, e, por isso, pode causar uma inflamação maior ou cair no sangue e se espalhar.

· BRONQUITE: Brônquios ( tubos que conduzem o ar da traquéia até os alvéolos). Ficam contraidos e cheios de secreção. Antiinflamatórios e broncodilatadores, que abrem os brônquios e melhoram o fluxo de ar. Xaropes expectorantes ajudam.

· ASMA: Brônquios, que, contraídos, dificultam a passagem do ar. Usam- se broncodilatadores( que podem vir nas famosas bombinhas) e antiinflamatórios. Sabe aqueles filmes em que alguém tem uma crise após uma situação nervosa? Nada a ver. O gatilho é sempre algo fisíco, como a poeira.

Anúncios

Um comentário sobre “Cuidando de sua saúde

  1. Bom, digamos que a questão de poeira também desencadeia, mas há 22 anos eu sofro de Asma Tipo 3 , aquela que requer uso de bronco-dilatadores religiosamente de 4 em 4 horas e digo que o fator que mais me causa crises é realmente o emocional.
    Segundo meu médico, as descargas de adrenalina que o corpo recebe numa situação nervosa potencializam a contração dos brônquios muito mais rápido que um fator alérgico e demora muito mais a passar – fora que a reação do coração, que supõe-se já estar acelerado, ao efeito do bronco-dilatador é assustador.
    Enfim, as sistuações nervosas não são tão “nada a ver” assim. Tá certo que nunca vi até hoje na TV em qualquer cena que apareça um asmático, alguém tendo uma crise convincente ou usando uma bombinha corretamente, mas as crises nervosas são responsáveis por uma grande parte das crises de asma, das mais graves e longas, sim. Se não fosse assim, o primeiro conselho de um médico, antes mesmo de ministrar o medicamento, não seria um “Acalme-se”. 😉

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s